Grupo opositor não aceita a grande rejeição do ex-prefeito Lula Brandão. - Bahia Expresso

Últimas


Ita melhor

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2023

Grupo opositor não aceita a grande rejeição do ex-prefeito Lula Brandão.



Um minúsculo grupo que ainda resta, que foi destituído após a vergonhosa derrota em 2020 do ex-prefeito Lula Brandão para atual prefeita Monalisa Tavares, com uma frente que ficou marcada em em Ibicaraí,mostrando a insatisfação, e a reprovação da administração do ex-prefeito (2017 a 2020).
Passando dois anos da gestão Monalisa, com uma grande aprovação, mostrou força dando uma votação expressiva ao seus deputados, deixando o deputados do ex-prefeito na quarta e quinta colocação, refletindo na tamanha rejeição do ex-prefeito e aceitação do atual gestão.

Alguns meios de comunicação bandeira branca que fez uma imprensa marrom, realizou uma postaram e um respectivo evento que ocorreu durante toda manhã de sábado, identificando como uma rejeição da atual gestão.

Se fazer o bem traz rejeição, o ex-prefeito era para ter 100 % de aprovação.

- Consertando os colégios, creches, que foi deixado sucateado, pela gestão anterior mesmo recebendo 11 milhões em 2017, que seria utilizado para essa finalidade.
- Dando prosseguimento as inúmeras obras inacabadas.
- Cumprindo com o salário em dias, diferente da gestão passada que alguns profissionais da educação, passaram por momentos delicados.

Corrigiu o problema que estava causando transtornos que era a avenida principal.
O que mostra quem realmente está rejeitado pela população é atual dele, que está se humilhando, com puxa-saquismo, medigando um pequeno apoio para tentar chegar em terceiro lugar, no pleito 2024, isso é se consegui pelo menos registrar o seu nome na disputa.

Pois já sabemos quem realmente irá disputar o pleito 2024.

A Doutora e o Professor ( pois esses sim querem o bem de Ibicaraí)

Nenhum comentário:

Postar um comentário