ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Vigilância Epidemiológica faz Pit Stop de combate a dengue no centro de Itabuna




Para alertar as pessoas da necessidade de cooperar com os esforços da Administração pública no
combate a dengue a Secretaria Municipal de Saúde realizou um Pit Stop na manhã dessa terça-feira, dia 4, na Avenida Ilhéus, centro de Itabuna.
Com esta ação educativa e informativa, coordenada pela Divisão de Vigilância Epidemiológica, o objetivo é advertir e mobilizar motoristas e pedestres sobre a importância de reduzir os índices de infestação do mosquito Aedes aegypti, principal transmissor de arboviroses como dengue, zika vírus e chikungunya.
Recentes dados apresentados pelo Levantamento de Índice Rápido para o Aedes aegypti (LIRAa) apontou que Itabuna apresenta 8,8% de infestação predial muito acima do preconizado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) que é de 1%. A análise de focos de infestação aconteceu em todos os bairros da cidade durante a visita aos imóveis pelos Agentes de Combate às Endemias.
O elevado porcentual deixou a cidade em estado de alerta tornando claro que o trabalho de combate aos focos do mosquito não pode parar, mas que a população também precisa colaborar. “É importante lembrar que os maiores índices de infestação predial foram registrados nos bairros: Santa Catarina, 29,41%, e Santa Clara, com 23,07%”, diz a diretora da Vigilância da Saúde, Maristella Antunes.
Ela explica que a situação é de alto risco. “Por isso, os moradores do centro e dos bairros da cidade precisam evitar água parada em quaisquer recipientes, tampar corretamente os reservatórios de água para consumo e limpar quintais e terrenos baldios” orientou.

Nenhum comentário