Petrobahia vai expandir oferta de gás natural em toda a Bahia - Bahia Expresso

Últimas


Ita melhor

quinta-feira, 14 de dezembro de 2023

Petrobahia vai expandir oferta de gás natural em toda a Bahia

A unidade permitirá que o combustível chegue a regiões distantes do gasoduto da Bahiagás.


Presidente da distribuidora de combustíveis Petrobahia, Thiago Andrad - Foto: Rperodução Petrobahia

Itabuna sediará a primeira unidade no Nordeste de liquefação e compressão de gás natural (GN) oriundo de gasoduto. A unidade permitirá que o combustível, avaliado como de baixo impacto para o meio ambiente, com o custo por quilômetro rodado até 30% menor do que a gasolina e o álcool, usado em veículos, e com o preço competitivo do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), usado pelas indústrias, chegue a regiões distantes do gasoduto da Bahiagás, a exemplo do Oeste do estado, Vitória da Conquista, Jequié e Juazeiro.
A pedra fundamental do projeto foi lançada nesta quarta, 13, pelo presidente da distribuidora de combustíveis Petrobahia, Thiago Andrade, com as presenças do CEO da GNLink, Marcelo Rodrigues, e do prefeito de Itabuna, Augusto Castro. Em visita à cidade baiana Thiago Andrade também participa do Fórum Empresarial da Bahia, no Centro de Cultura Adonias Filho, das 18h às 22h. No evento, Andrade integra o painel “Governança e investimentos para o desenvolvimento Econômico do Sul da Bahia”. A unidade faz parte do projeto da Petrobahia de construção de Corredores Azuis, infraestrutura pensada para permitir o uso de gás natural como combustível em veículos rodoviários e indústrias em áreas até mil km de distância do gasoduto.
Fruto de parceria entre a distribuidora de combustíveis baiana e a GNLink, a unidade, com capacidade de produção de 98.000 m3/dia, tem operação prevista para o terceiro trimestre de 2024. De acordo com Thiago Andrade, este projeto de vanguarda garante novos avanços na interiorização do gás natural na Bahia e em outras regiões do Nordeste, e já apresenta a necessidade de dobrar a capacidade operacional para atender a demanda que vem se anunciando promissora. “A partir da unidade, vai ser possível instalar postos, aproximadamente, a cada 300 quilômetros de distância uns dos outros, criando Corredores Azuis. A meta é chegar até Luís Eduardo Magalhães, Juazeiro e os principais eixos rodoviários do estado, com postos Petrobahia disponibilizando GN para o consumidor”, explica.
Com investimento da ordem de R$ 155 milhões, o projeto prevê que a GNLink compre o gás natural da Bahiagás, opere e mantenha as unidades de processamento e distribuição do Gás Natural Liquefeito (GNL) e Gás Natural Comprimido (GNC). Já a Petrobahia será responsável pela logística, contando com a expertise da Transbahia Transportes, e ainda utilizará o gás natural para ampliar a sua rede de postos com Gás Natural Veicular (GNV) pela Bahia.
Hub de Suprimento - A Petrobahia está desenvolvendo parcerias com outros fornecedores de gás natural no Nordeste, para que no futuro possa fechar vários círculos com raio de ação de mil km e assim expandir a oferta de GN no Nordeste, numa espécie de amplo hub logístico de suprimento desse combustível. “Seremos responsáveis pela infraestrutura nos polos supridores e na entrega aos clientes. O primeiro eixo deste projeto é, a partir da costa nordestina, expandindo-se para o interior”, conclui Thiago Andrade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário