ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Hospital de Ibicaraí fez mais de 600 exames de Raio-X em quatro meses de funcionamento

 


O Hospital Arlete Maron de Magalhães de Ibicaraí (HAMM) vive um novo momento de atendimento e funcionalidade. O HAMM passou alguns anos fechado por conta de uma reforma e foi reaberto na primeira gestão da prefeita Monalisa Tavares, e hoje, coincidentemente, tendo a doutora como prefeita pela segunda vez, o hospital volta a funcionar e ofertar novos serviços. 

O hospital ganhou um novo muro, uma reforma total na rede elétrica, pintura, ambulância nova, suporte de uma unidade do SAMU no município e a implantação do tão sonhado Raio-X.

A diretora do HAMM, Zenáuria Reis, lembra que hoje o hospital funciona plenamente, com um setor independente de triagem e exame para detectar se o paciente tem Covid-19, além de internamentos (em janeiro o hospital recebeu cinco pacientes de Itabuna), atendimento médico, exames e o aparelho de Raio-X que o hospital voltou a ter depois de uma década.

“Fizemos entre outubro e dezembro de 2021 mais de 400 exames de Raio-X, e no mês de janeiro de 2022 ultrapassamos 200 exames. É importante salientar que boa parte desses Raio-X foram no tórax, devido a pandemia de Covid-19 e as síndromes gripais. A procura tem sido grande e graças a Deus estamos podendo atender a todo cidadão que procura por esse serviço”, disse Zenáuria Reis.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Luna Tavares, os investimentos pontuais no hospital deram uma nova dinâmica para o HAMM. “Hoje, com essas melhorias, podemos ofertar esse serviço de forma gratuita para todos. É importante falar do esforço da prefeita Monalisa Tavares e dos deputados Tiago Correia e Paulo Azi, que lutaram para a implantação do Raio-X no nosso hospital”, disse a secretária de Saúde.






Texto e fotos: Ascom Prefeitura de Ibicarai

Nenhum comentário