ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Rui diz que vai esperar até dia 10 para anunciar volta às aulas



Retorno ocorrerá se não houver novo repique de contaminações em decorrência dos festejos juninos | Foto: Rafael Martins | Ag. A TARDE

O governador Rui Costa (PT) afirmou nesta segunda-feira, 5, que deverá anunciar nos próximos dias a data para retomada de aulas semipresenciais na Bahia. O gestor estadual afirmou que um eventual retorno do calendário letivo ocorrerá somente se não houver um novo repique de contaminações por Covid-19 em decorrência dos festejos de São João.
“Nós tomamos uma decisão de aguardar um pouco, até o dia 10 de julho, pra saber se vai haver ou não algum efeito das festas juninas, se vai ter algum crescimento de casos em função das festas juninas”, declarou o governador durante agenda na cidade de Brumado.
Segundo o governador, atualmente, a taxa de ocupação nas UTIs da rede pública mantém índice estável de 70% em praticamente todo o estado –apenas duas regiões têm taxa superior a 80%.
"De forma prudente, cautelar, nós resolvermos aguardar dez dias para saber se vai ter ou não algum efeito de crescimento fruto do São João. Estamos com 12 mil casos ativos. Em março chegamos a 22 mil casos ativos. Mas não alcançamos ainda o número de fevereiro deste ano, quando tínhamos apenas 8 mil casos. Então vamos monitorar até o dia 10 e, se não houver crescimento de casos nem taxa de ocupação, vamos anunciar o retorno às aulas”, ressaltou Rui.
Em 2020, os casos da doença mais do que triplicaram após as festas juninas, segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). No dia 6 de junho do mesmo ano, 15 dias antes do feriado de São João, a Bahia registrava 30.481 infectados pelo novo coronavírus. Um mês depois, os números saltaram para impressionantes 98.319.

Nenhum comentário