ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ex-sócio da Telexfree é preso pela PF e pode ser extraditado para os Estados Unidos


Foto: Divulgação


O empresário Carlos Nataniel Wanzeler, ex-sócio da Telexfree, foi preso pela Polícia Federal (PF) na quinta-feira (20) da semana passada. A prisão ocorreu em Búzios, no Rio de Janeiro, atendendo a uma mandado de prisão pelo suposto cometimento de delitos de fraude eletrônica e transações monetárias de atividade ilegal, crimes que também teriam ocorrido em operações da Telexfree.
O pedido foi feito pelo governo dos Estados Unidos, onde Wanzeler teria cometido essas ilegalidade, e aceito pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski.
Segundo informações do G1, a decisão dá o prazo de 60 dias para que o governo norte-americano faça o pedido formal de extradição - na última semana, o STF referendou a decisão de 2018 do Ministério da Justiça que decretou a perda da nacionalidade brasileira do empresário.
No julgamento, os ministros da Segunda Turma do STF rejeitaram o recurso da defesa e entenderam que Wanzeler não tem mais a cidadania brasileira por ter adquirido a norte-americana em 2009. Com isso, os advogados alegam que ele tem o direito de responder ao processo no Brasil, pois é acusado dos mesmo crimes em solo nacional.

Nenhum comentário