ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Depois de situação de emergência prefeitura de Ibicaraí decreta estado de calamidade pública






Depois de decretar estado de emergência, na manhã de sábado, dia 25 de dezembro, a prefeita Monalisa Tavares emite novo decreto (188 de 26.12 de 2021) colocando o município de Ibicaraí em estado de calamidade pública.

O novo decreto aconteceu em virtude de mais de 30 horas de seguidas chuvas torrenciais, alagamento de diversas ruas, pontes e estradas, deslizamentos de terra, desabamentos de moradias, casas arrastadas pelas águas do rio Salgado e centenas de pessoas desabrigadas e alojadas em escolas, creches, clubes e ginásio de esporte.
A prefeita e sua equipe da Saúde, Social, Infraestrutura, Educação e demais secretarias, convocou e mobilizou todos os órgãos municipais nesse momento crítico para atuarem sob a orientação da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil com a remoção de pessoas desabrigadas e alocação em logradouros públicos, atendimento médico, primeiros socorros e distribuição de refeições e alimentos não perecíveis.
O município passa também por falta de água potável, em virtude do rompimento da adutora na Serra do Córrego Grande e do motor da bomba na barragem do Luxo; além da falta de energia em diversas ruas e a falta de sinal das operadoras de celular e o alagamento da ponte na Rua Enxuta, dificultando o deslocamento para Itabuna.
“Ontem decretei situação de emergência e infelizmente a situação só piorou e precisei decretar estado de calamidade pública. Estou com toda a minha equipe trabalhando dia e noite, mas a cidade passa por um momento muito complicado e foge ao nosso controle. Ibicaraí pede e clama por ajuda dos governos estadual e federal”, disse a prefeita Monalisa Tavares.














Texto e fotos: Ascom Prefeitura de Ibicaraí

Data: 26.12.2021

Nenhum comentário