ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ministério Público entra com ação de improbidade administrativa contra Padre Aguinaldo às vésperas da convenção partidária


O Ministério Público entrou com uma ação civil pública por improbidade administrativa na última quarta-feira (9) por dano ao erário e enriquecimento ilícito, com pedido de liminar de indisponibilidade dos bens, contra o ex-prefeito Padre Aguinaldo.
A ação foi ajuizada com base no inquérito civil público que apurou o pagamento ilegal de diária em 2011. Segundo o promotor de justiça que entrou com a ação, “o que restou demonstrado através do Inquérito Civil em anexo foi a verdadeira dilapidação do patrimônio do Município de Firmino Alves resultando em flagrante enriquecimento ilícito do ex-prefeito José Agnaldo dos Santos”.
O Ministério Público pede a condenação do ex-prefeito por improbidade administrativa, com o ressarcimento integral do dano, perda de função pública e suspensão de direitos políticos, além de outras penas.
Com convenção marcada para o próximo dia 13, a ação por improbidade administrativa é uma péssima notícia para o ex-prefeito, que já tem contas rejeitadas pelo TCM e pela Câmara de Vereadores, encontrando-se inelegível.

Nenhum comentário