Uesc participa de missão internacional na África do Sul - Bahia Expresso

Últimas


Ita melhor

quarta-feira, 30 de agosto de 2023

Uesc participa de missão internacional na África do Sul

 Evento representa possibilidades de novas parcerias internacionais

 

Departamento de Direito. - Em Stellenbosch existia o Ginásio Stellenbosch desde 1866. Em 1887, foi construido um novo edifício, nomeado Victoria College em homenagem ao jubileu de ouro da Rainha Vitória, a celebração dos 50 anos de sua ascensão ao trono britânico. Depois, em 1918 torna-se Universidade de Stellenbosch, sendo este o prédio mais antigo. O Departamento de Direito

 

Com a proposta de ampliar a cooperação entre instituições de ensino superior dos países Sul-Sul, o reitor da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), Alessandro Fernandes, juntamente com a assessora de Relações Internacionais, Ticiana Grecco Zanon Moura, participa de missão internacional na África do Sul. A comitiva composta por 39 representantes de instituições filiadas à Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem) tem visitado universidades nas cidades de Durban, Cidade do Cabo, Porto Elizabeth e Johannesburgo.

 

Segundo o reitor Alessandro Fernandes, “a missão representa possibilidades de novas parcerias internacionais para nossa universidade, no campo da pesquisa, da pós-graduação e principalmente da mobilidade acadêmica”.  A Comitiva conheceu a Stellenbosch University, no dia 24 de agosto, que foi fundada em 1918 e está localizada próxima à Cidade do Cabo. Atualmente, conta com mais de 32.000 estudantes e cerca de 4.000 estudantes internacionais, sendo que 60% deles são de origem africana. A Stellenbosch University prima pela excelência em pesquisa aplicada e está entre as três universidades com maior investimento em pesquisa do país. Conforme a Fundação de Pesquisa Nacional da África do Sul, a universidade possui sete centros de excelência do Departamento de Ciências e Inovação, e é fundadora da African Research Universities Alliance (ARUA), que visa promover e fortalecer a pesquisa no continente africano.

 

Para a assessora de Relações Internacionais da Uesc, Ticiana Moura, “há muitos pontos em comum entre a Uesc e a Stellenbosch University. Verificamos juntamente com o escritório de relações internacionais que, durante os últimos cinco anos, por volta de 10 professores da Uesc foram coautores de professores da Universidade de Stellenbosch. Discutimos formas de fortalecer estes laços e também aumentá-los. Stellenbosch conta com os departamentos de Ciências Agrárias, Artes e Ciências Sociais, Ciências Administrativas e Econômicas, Educação, Engenharias, Direito, Medicina e Ciências da Saúde, Ciências Militares, Ciências e Teologia. Além disso, tem duas Escolas de Estudos Transversais: a de Mudança Climática e a de Ciências de Dados Aplicadas”. A missão da Abruem à África do Sul seguirá até o dia 2 de setembro.

Alessandro Fernandes e a assessora Taciana Moura presenteando com caneca da Uesc e chocolate ao reitor da SU, Tyrone Petronius

 Alessandro Fernandes e a assessora Taciana Moura presenteando com caneca da Uesc e chocolate ao reitor da SU, Tyrone Petronius

Profa Ticiana Moura, Randall Adams, responsável pelas relações internacionais da SU e o reitor da Ues Alessandro Fernandes


Nenhum comentário:

Postar um comentário