ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ex-prefeita de Lima, no Peru, admite que recebeu da OAS e Odebrecht




A socialista Susana Villarán, ex-prefeita de Lima, no Peru, admitiu que a Odebrecht e a OAS doaram US$ 4 milhões para uma de suas campanhas. 

Susana fez uma postagem no domingo (12) no twitter, onde revelou a propina. “O que tenho certeza é que a OAS e a Odebrecht financiaram a campanha do ‘Não à revogação’ e não sabíamos então que tinham fundos ilegais de caixa dois ou de operações estruturadas”, disse.
“Eu sabia dos quatro milhões de dólares recebidos. Foi dinheiro pago diretamente entre brasileiros.”

Nenhum comentário