Maia busca apoio de governadores e ministros para sua reeleição na Câmara - Bahia Expresso

Últimas


Ita melhor

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Maia busca apoio de governadores e ministros para sua reeleição na Câmara


Com a proximidade do início do recesso de fim de ano, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), intensificou a campanha nos bastidores para tentar viabilizar sua recondução ao cargo em fevereiro de 2017, quando está marcada a próxima disputa para a Mesa Diretora. O novo foco da articulação envolve encontros com governadores, ministros e bancadas para tentar fechar os apoios.Nesta sexta-feira, 2, Maia jantará com o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), em busca do apoio do PSB e da bancada pernambucana. O partido tem a sétima maior bancada da Casa, com 33 deputados, e está dividido em relação à próxima disputa pela presidência da Câmara. De um lado, o deputado Júlio Delgado (MG) tenta viabilizar sua candidatura. Do outro, está Heráclito Fortes (PI), que apoia Maia, mas não descarta se lançar candidato, caso o parlamentar fluminense não viabilize sua reeleição.Com seis deputados, a bancada do PSB de Pernambuco é considerada decisiva na escolha do rumo que a sigla tomará na disputa de fevereiro de 2017. A maioria dos pessebistas pernambucanos se mantém neutra, por enquanto, em relação à eleição para presidência da Câmara. O objetivo da bancada, por enquanto, é conseguir a liderança do partido no próximo ano. O principal interessado é o deputado Tadeu Alencar (PE), atual 1.º vice-líder da sigla na Casa.Maia jantará com Câmara no Palácio do Campo das Princesas, sede do governo de Pernambuco. Heráclito o acompanhará no encontro. O atual chefe do Executivo estadual é uma das principais figuras do PSB. Ele é do grupo do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, morto em acidente aéreo em 2014. Além da influência no partido, Câmara tem ascendência sobre outros deputados da bancada pernambucana, que tem 24 deputados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário