ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Após saída do Podemos, governo deve optar por quadro técnico na Adab



Foto: Divulgação


Com a saída do Podermos do comando da Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), com Maurício Bacelar, a tendência do governo Rui Costa (PT) é a indicação de um quadro técnico para o cargo. Bacelar deixou o cargo após nomeação para a Secretaria de Turismo da Bahia (Setur) (relembre aqui).
Ao Bahia Notícias, interlocutores do governo apontaram que após a acomodação de forças políticas no secretariado, Rui tende a encaixar quadros técnicos em pastas que ainda não tiveram definições concretizadas. A Sema ainda segue com indefinições para o perfil que irá ser indicado pelo governo.
Maurício estava à frente da Adab desde junho de 2019. Anteriormente, o irmão do deputado federal Bacelar esteve por um ano no comando do Detran, entre 2015 e 2016, até sair para assumir a agência.
A Adab é uma agência vinculada a Secretaria de Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura (Seagri), agora comandada pelo PSB (veja mais). A agência trabalha no desenvolvimento do agronegócio no estado.

Nenhum comentário