ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Polícia Civil de Minas indicia 11 pessoas da Backer após casos de intoxicação


Foto: Danilo Girundi/TV Globo


A Polícia Civil de Minas Gerais indiciou onze pessoas pela intoxicação por dietilenoglicol em cervejas da Backer. Lesão corporal, contaminação de produto alimentício e homicídio estão entre os crimes.
De acordo com o delegado Flávio Grossi, a Polícia Civil conseguiu comprovar, física e quimicamente, a existência de um vazamento no tanque de cerveja.
"Esta investigação foi multifacetada, tivemos químicos, engenheiros, peritos da maior gama possível. Atuamos de forma extremamente centrada e, para iniciar a investigação, precisávamos entender como é feita a cerveja", disse Grossi.
A investigação, que chegou a considerar 42 vítimas, foi concluído com 29 vítimas criminais, segundo a Polícia Civil. Entre essas vítimas, sete morreram. Outros 30 casos ainda serão analisados.
"No decorrer das investigações, retiramos dez vítimas por fatores investigativos ou médicos. Ou laudo descartava ou deixava em dúvida. Três vítimas não desejaram fazer testes de exames", explicou.

Nenhum comentário