ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Alunos afetados por falta de energia em locais de prova poderão refazer prova do EnemFoto: Reprodução / WhatsApp/ G1 Quase 3,5 mil participantes de nove locais de prova do Exame Nacional do Ensino Médio que foram afetados por falta de energia nos locais de prova no último domingo (5), poderão participar da reaplicação da prova, que deve ser realizada em dezembro. Segundo informações da Agência Brasil, nove locais de prova registraram o problema: um em Olinda (PE), um em Teresina (PI) e sete endereços em Uruaçu (GO). A primeira prova (Linguagens e Códigos, Ciências Humanas e Redação) poderá ser refeita no próximo dia 12 de dezembro. No mesmo dia, a exemplo de anos anteriores e diferente da edição 2017, os alunos devem fazer a segunda prova, de matemática e ciências da natureza, no mesmo local. Apenas os alunos afetados pela falta de energia podem fazer a avaliação no outro dia. Os candidatos que não compareceram ao primeiro dia de prova estão eliminados do exame.

Foto: Reprodução / WhatsApp/ G1
Quase 3,5 mil participantes de nove locais de prova do Exame Nacional do Ensino Médio que foram afetados por falta de energia nos locais de prova no último domingo (5), poderão participar da reaplicação da prova, que deve ser realizada em dezembro. Segundo informações da Agência Brasil, nove locais de prova registraram o problema: um em Olinda (PE), um em Teresina (PI) e sete endereços em Uruaçu (GO). A primeira prova (Linguagens e Códigos, Ciências Humanas e Redação) poderá ser refeita no próximo dia 12 de dezembro. No mesmo dia, a exemplo de anos anteriores e diferente da edição 2017, os alunos devem fazer a segunda prova, de matemática e ciências da natureza, no mesmo local. Apenas os alunos afetados pela falta de energia podem fazer a avaliação no outro dia. Os candidatos que não compareceram ao primeiro dia de prova estão eliminados do exame.  

Nenhum comentário