ÚLTIMAS NOTÍCIAS

'Número dois' da PF diz que não havia problema de produtividade no Rio

O delegado da Polícia Federal (PF) Carlos Henrique Oliveira de Sousa, nomeado nesta quarta-feira (13) o diretor-executivo da corporação, ou "número dois", disse em depoimento à PF hoje que a Superintendência do órgão no Rio não tinha problemas de produtividade quando ele assumiu o cargo, em novembro de 2019, em substituição ao delegado Ricardo Saadi. A versão contraria o que o presidente Jair Bolsonaro disse em agosto de 2019. Quando indagado pela imprensa no Palácio da Alvorada sobre as pressões para trocar o então superintendente da PF no Rio, Saadi, Bolsonaro disse que era uma questão de "produtividade".

Nenhum comentário