ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Santa Cruz da Vitória recebe visita de engenheira da Defesa Civil do Estado



O prefeito de Santa Cruz da Vitória, Carlos André, secretários municipais, vereadores e uma comissão da Defesa Civil local, receberam na manhã de ontem, terça-feira, dia 26, a visita da Engenheira Civil Jamile Carneiro de Souza Cruz, da Defesa Civil Estadual, para averiguar os estragos causados pela forte chuva que caiu em Santa Cruz da Vitória no final da tarde de domingo, dia 17, destruindo o telhado do Auditório Mariete Mâcedo, situado no Centro Municipal de Educação José Guedes (CMEJG), a APAE, além da Unidade de Saúde Nelson Barros e algumas casas atingidas, o que deixou centenas de pessoas desabrigadas.
Por todo o período da manhã o prefeito Carlos André e equipe mostraram para a técnica da Defesa Civil do Estado os estragos deixados pela forte chuva. Jamile olhou tudo de perto e fez um registro fotográfico dos estragos por toda cidade e pontos na zona rural, além de coletar depoimentos de pessoas que foram atingidas pela chuva e que estão desabrigadas.
Segundo a engenheira, o primeiro passo já foi feito decretando estado de emergência e criando uma comissão para o assunto, além do cadastro no Sistema Integrado de Informações sobre Desastres - S2ID, site do Governo Federal. “Agora vamos fazer o parecer técnico onde pediremos o reconhecimento estadual do estado de emergência e na sequência o reconhecimento federal. Existem casos que o Governo Federal manda técnicos para também analisar a real situação do município e depois do relatório fechado e revisado, sai o parecer final e a provável liberação de recursos para ajudar o município”, disse Jamile.
“Estou fazendo o máximo possível e batendo em todas as portas. A presença da Defesa Civil do Estado em nossa cidade é muito importante para que o Estado e a União vejam o que aconteceu com nossa cidade. Precisamos reconstruir o CMEJG. Esse colégio atende mais de 900 alunos que dependem dele para estudar. Estamos muitos esperançosos que a ajuda venha para reconstruirmos essa escola, além de atender dezenas de moradores que foram diretamente atingidos e precisam de ajuda”, disse o prefeito Carlos André.









Nenhum comentário