ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Governo Marão humilha candidatos a vagas temporárias



Fila dobra o quarteirão. Foto de Arthur MagnoA seleção pra vagas temporárias na prefeitura de Ilhéus se transforma num verdadeiro quadro de humilhação a quem tem a esperança de deixar o desemprego em tempos de crise. 
Mesmo com acesso fácil à internet, o governo do prefeito Mário Alexandre força os candidatos a esperar por atendimento presencial, numa fila que já dobra o quarteirão e debaixo de chuva.
É que pra concorrer a uma das quase 300 vagas, é preciso entregar um catatau de papel na sede da Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS). A fila começou ainda na madrugada e, antes das 8h desta segunda, já chegava ao campus da Unopar, na avenida Itabuna. 
O método de entrega da papelada expõe a falta de respeito do governo. O cadastro poderia ser feito pela internet e, depois de uma pre-seleção, os aprovados levariam os documentos. Mas o bom senso não é pra todos.

Nenhum comentário